Digite a palavra-chave

A busca é efetuada em todas as páginas do site e abrange todo o seu conteúdo.
Página principal




ARTIGOS



ESTILO DE VIDA

Mudando seu estilo de vida: ser feliz e viver bem é uma opção pessoal (*)

Hoje enfrentamos três epidemias: aterosclerose, depressão e neurose.

2. Como resultado desse cenário, 70% das mortes ocorrem por: infarto, acidentes cerebrais e câncer.

3. Todas essas mortes têm as mesmas causas: 1ª) emoções; 2ª) genética; 3ª) o que comemos; 4ª) o que bebemos; e 5ª) o que respiramos.

4. Saúde é o bem-estar: físico, psíquico, familiar, financeiro, profissional, ambiental e espiritual.

5. São fatores capazes de determinar o prolongamento da vida: 1º) assistência médica, 10%; 2º) genética, 17%; 3º) meio ambiente, 20%; e 4º) estilo de vida, 53%.

6. O estilo de vida é a gestão do prazer e da felicidade.

7. A maior parte das atitudes para melhorar seu estilo de vida dependem só de decisão e de gerenciamento e não de dinheiro.

8. Para viver 100 anos: glicose normal, pressão arterial normal, colesterol normal, ser magro e exercitar-se.

9. Mas a longevidade não tem sentido se não houver prazer na vida.

10. A felicidade é afetada por cinco fatores: relação familiar, situação financeira, trabalho, comunidade e amigos, saúde.

11. Só quem se preocupa em fazer a felicidade dos outros alcança a sua própria felicidade. Quem obstrui a felicidade dos outros está enterrando a própria felicidade.

12. O trabalho não mata. Quem mata é o trio maléfico: ganância, raiva e inveja.

13. Nos EUA, o índice de satisfação de vida permaneceu igual nos últimos 50 anos. Nesse período, a riqueza individual aumentou quase 3 vezes.

14. A inveja, decorrente da comparação entre o poder aquisitivo das pessoas (síndrome da comparação social), produz sensação de infelicidade.

15. A felicidade é distribuída irregularmente entre as pessoas. O segredo está em aceitar a dose concedida à nossa pessoa. O pior cego é aquele incapaz de ver a própria felicidade.

16. Todos podemos programar a nossa felicidade: minimizando os aspectos negativos da vida; focando apenas o lado positivo; e tendo coragem de lutar para ser feliz.

17. A busca da felicidade é o único compromisso do ser humano com a vida.

(*) Palestra de Fernando Lucchese (Farroupilha-RS, 1947), cardiologista, professor e pesquisador, recebida em 25 mar. 2010 via ´e-mail´ do amigo César Pontes, médico, avaliada por ele como verdadeira, fantástica e imperdível.

OBESIDADE NOS JOVENS

Quando conseguimos tratar nessa faixa etária, prevenimos o desenvolvimento de doenças associadas à obesidade e revertemos os primeiros sinais de problemas como a aterosclerose, diz Priscila Sanches, da Universidade Federal de São Paulo – Unifesp (Folha de S. Paulo, São Paulo, 17 mar. 2010, p. C5).

Para a redução do excesso de peso, o foco é o estímulo à prática de atividade física e a reeducação alimentar, explica Cláudia Cozer, endocrinologista.

O programa da Unifesp dá aos adolescentes as seguintes dicas para manter o peso saudável: 1ª) comer sempre no horário certo; 2ª) fazer ao menos cinco refeições por dia; 3ª) não pular refeições; 4ª) evitar repetir o prato; 5ª) comer um só tipo de carboidrato por refeição; 6ª) ingerir os alimentos devagar; 6ª) não se alimentar na frente da TV ou do computador.

CARDÁPIO

Todas as redes com mais de 20 restaurantes passarão a exibir os valores calóricos em seus cardápios, de acordo com a reforma do sistema de saúde do EUA, assinada em 23 mar. 2010 pelo presidente Barack Obama. O objetivo da medida é colaborar na luta contra a obesidade e diminuir os gastos com tratamentos de doenças causadas pela má nutrição (Folha de S. Paulo, São Paulo, 27 mar. 2010, p. C10).